Um 2011 livre de bactérias

dezembro 16, 2010 às 11:57 am | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

 

O ano de 2010 devolveu tranquilidade para a população brasileira com o fim da pandemia provocada pelo vírus da gripe A (suína). Porém, outro surto causado pela super bactéria KPC, resistente a antibióticos, e que se alastrou por hospitais de diversas regiões do País, lançou um novo alerta sobre a importância da higienização das mãos, para a efetiva proteção da população contra este tipo de problema, cada vez mais comum em todo o mundo.

Lavar as mãos com água e sabão ou usar gel antisséptico são atos extremamente simples e baratos, especialmente se comparados aos tratamentos de possíveis doenças depois de instaladas.

Comunicações têm ajudado às pessoas a desenvolver o hábito e consolidar a cultura da higiene, que esperamos se fixem, não apenas pelos perigos eminentes de novos vírus, mas pela conscientização sobre um cuidado básico com a nossa saúde.

Para 2011, desejamos que você pratique esse hábito, cuide bem de você e de sua família, para que consiga atender a outro grande desejo nosso: o de ter mais saúde.

Um Feliz Natal e Próspero Ano Novo.

Anúncios

Estudo indica que vírus H1N1, da gripe suína, começa a sofrer mutação

outubro 25, 2010 às 7:25 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário
Tags: , ,

O vírus H1N1, causador da gripe suína

O vírus H1N1, causador da gripe suína, está começando a sofrer mutação. Uma linhagem relativamente nova já predomina em regiões como Cingapura e Nova Zelândia. É o que indica um estudo realizado pelo Centro de Colaboração de Pesquisa e Referência sobre Influenza (ligado à OMS – Organização Mundial de Saúde).

É possível que esta nova linhagem seja mais mortal e pandêmica, mas ainda serão necessários mais estudos para dizer se as atuais vacinas serão também eficientes contra ela.

Segundo a OMS, 18.450 pessoas de todo o mundo já morreram em razão do vírus H1N1.

Em tempo: a higienização das mãos continua sendo apontada por todas as autoridades de saúde do mundo como a forma mais simples e eficiente de prevenir este e outros vírus que causam doenças infecto contagiosas.

Leia matéria das Agências Reuters e Estado na íntegra sobre o assunto:

http://www.estadao.com.br/noticias/vidae,virus-h1n1-comeca-a-sofrer-mutacao–aponta-estudo,628025,0.htm

Dia Mundial da Lavagem das Mãos: Pratique

outubro 15, 2010 às 1:56 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário
Tags: , , ,

Um ano se passou e chegado 15 de outubro, voltamos a falar de uma importante data: O Dia Mundial da Lavagem das Mãos. Criado de 2008 por uma iniciativa público-privada , o Global Hand Washing Day é na verdade uma campanha educativa que visa conscientizar a população sobre a importância da lavagem correta das mãos para combater doenças e até a morte causadas por doenças infecciosas.

O foco do movimento são crianças e escolas, não apenas por serem potenciais vítimas de doenças infecciosas, mas especialmente por serem creditadas como potenciais agentes de mobilização e multiplicação para a formação da cultura de que “Mãos limpas salvam vidas”.

No ano de 2008 mais de 120 milhões de crianças, em 70 países dos 5 continentes, foram envolvidas na campanha, por meio de ações diversas, como dramatização, palestras e o ensino da lavagem das mãos propriamente dita. Já no ano de 2009 em decorrência da epidemia do vírus H1N1, mais de 80 países celebraram o Dia Mundial da Lavagem das Mãos, despertando maior conscientização a respeito da importância da higienização.

A Doctor Clean apóia esta iniciativa, justificada por sua sócia diretora, Fabiana Tichauer: “A campanha é extremamente feliz ao ter como foco a criança, que aceita e adere à informação com mais facilidade, levando o exemplo para sua família e amigos. E uma vez consolidada a base da informação na infância, o hábito será levado para a vida toda”.

Fabiana ainda ressalta que embora a campanha mobilize muitos países em que por motivos financeiros há mais dificuldade de se obter ou valorizar o sabão como prioridade básica, a higienização das mãos, de uma forma geral, é um hábito negligenciado em todo o mundo e em todas as classes sociais. “Daí, mais uma vez, a importância desta campanha de conscientização”

Até porque como diz o velho e sempre bem lembrado ditado, prevenir é melhor – e mais barato – do que remediar.

Destacamos o vídeo da campanha com crianças de diversas regiões do globo: Acesse Aqui

Superbactéria pode ter matado 18 pacientes em Brasília

outubro 11, 2010 às 5:24 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Confira aqui, matéria do Jornal da Band, que reitera a importancia da higienização das mãos no combate à superbactéria – destacada em post anterior, relatando casos ocorridos em Brasília.

Bactéria pode ter matado 18 pessoas em Brasília

outubro 8, 2010 às 7:25 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Dezessete hospitais de Brasília estão contaminados por uma superbactéria resistente a todos os antibióticos. Mais de 100 pacientes estão internados por infecção dessa bactéria.

Infectologista Juliva Ribeiro afirma que a medida mais simples e eficaz para combater o vírus é a higienização das mãos com gel antisséptico. Confira matéria do Jornal Hoje, na íntegra, aqui.

Doctor Clean lança sabonete antisséptico em barra

outubro 7, 2010 às 8:50 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Após consolidar sua marca no segmento de gel e sabonete líquido antisséptico, a Doctor Clean amplia a sua linha de produtos com o lançamento do sabonete em barra antisséptico.

Apresentado nas versões Neutro e Erva-Doce e produzido em base 100% vegetal, confere uma textura homogênea e resistente à rachaduras, que produz uma espuma cremosa, aliada a uma deliciosa sensação de limpeza e bem-estar. Higienização com alto poder de desinfecção e proteção contra bactérias, devido a um poderoso agente contido na fórmula, o triclosan a 1%.

Enriquecidos com agentes emolientes e hidratantes, o sabonete antisséptico em barra Doctor Clean mantém a umidade natural da pele, deixando-a macia e livre de ressecamento, mesmo após sucessivas lavagens.

Confira os ingredientes que conferem ao sabonete em Barra Doctor Clean todos os diferenciais para a proteção e cuidado da pele:

  • Versões: Neutro e Erva-Doce.
  • Triclosan a 1%: agente antisséptico.
  • Base: 100% vegetal.
  • Agentes: emolientes e hidratantes.
  • PH neutro.
  • Não racha com o uso.
  • Textura homogênea.
  • Espuma cremosa.
  • Peso líquido: 90g

Preço sugerido ao consumidor: R$ 12,00 

*Para fotos em alta, favor contatar a Assessoria de Imprensa pelos e-mails e telefones abaixo.

Sobre a Doctor Clean

A linha Doctor Clean foi criada em 1997, destinada inicialmente aos profissionais de saúde, especificamente médicos e dentistas. A partir de 2001 a marca ampliou suas atividades, introduzindo de forma pioneira a categoria de gel antisséptico no varejo, segmento no qual vem trabalhando desde então para desenvolver a cultura sobre a importância da antissepsia constante das mãos, como preventivo contra a contaminação de vírus e bactérias que causam doenças.

Doctor Clean na web:

Site: www.doctorclean.com.br

Twitter: www.twitter.com/doctor_clean

Doctor Clean lança linha de antissépticos Mandarina & Apricot

setembro 1, 2010 às 3:38 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Aliar saúde ao bem-estar sempre foi o diferencial da Doctor Clean, marca com o maior respaldo de profissionais da saúde pela perfeita sinergia entre a antissepsia e a hidratação profunda oferecida por seus produtos. Agora, a empresa que mais investe na diversificação de sua linha, lança o kit Mandarina & Apricot, composto por géis antissépticos hidratantes de 250 e 60 ml, sabonete cremoso antisséptico hidratante de 250 ml e sabonete cremoso antisséptico hidratante esfoliante de 200 ml – versão inédita da marca.

Enriquecidos com agentes emolientes, os produtos da linha mantém a umidade natural da pele, deixando-a macia e livre de ressecamento, mesmo após sucessivas utilizações. Possuem agradável fragrância cítrica, textura homogênea e cor vibrante, proporcionando um verdadeiro ritual de saúde, beleza e bem-estar para toda a família.

Confira o descritivo da linha Mandarina & Apricot:

Sabonete cremoso antisséptico hidratante esfoliante

Fórmula com agente de limpeza natural, com alto poder de proteção e hidratação da pele.

Ingredientes ativos:

  • Triclosan a 0,3%: agente antisséptico.
  • Olivem: agente de limpeza suave, derivado do óleo de oliva. Limpa a pele, sem agredir.
  • Microesferas de semente de apricot e polietileno: ação esfoliante para remoção de células mortas.
  • Esferas de manteiga de karitê: ação altamente hidratante e emoliente em versão esfoliante.
  • Óleo de amêndoas: ação hidratante e emoliente.
  • Embalagem: 200 ml

Preço sugerido: R$ 14,00

Géis antissépticos hidratantes

Eliminam instantaneamente 99% dos germes, sem a necessidade de água e sabão. 

Ingredientes ativos:

  • Álcool etílico a 70%: agente antisséptico e bactericida.
  • Óleo de amêndoas e glicerina: ação emoliente e hidratante.
  • Embalagens: flip-top de 60 ml (ideal para levar na bolsa) e válvula pump de 250 ml (para deixar no carro, banheiro etc).

Preços sugeridos: R$ 6,30 (60 ml) – R$ 13,50 (250 ml)

Sabonete cremoso antisséptico hidratante

Com PH neutro, promove antissepsia das mãos e do corpo, deixando a pele macia e protegida.

Ingredientes ativos:

  • Triclosan a 0,3%: agente antisséptico.
  • Plantaren: agente de limpeza 100% natural, produzido a partir da gordura do côco e do amido de milho. Limpa a pele, sem agredir.
  • Goma-guar quaternizada: forma uma película protetora de grande afinidade com a pele.
  • Óleo de amêndoas e glicerina: ação emoliente e hidratante.
  • Embalagem de 250 ml com válvula pump.

Preço sugerido: R$ 14,00

Transformação viral, sim. E campanhas educativas também

agosto 11, 2010 às 1:18 am | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário
Tags: , , , , ,

Excelente e elucidativa a entrevista de Fábio de Castro com Sherif Zaki, chefe do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês), dos Estados Unidos, para a Agência FAPESP.

Além do balanço sobre o vírus H1N1 após 1 ano e meio do 1º caso ocorrido no México, Zaki aponta que o vírus pode estar mudando e adquirindo patologia semelhante à da influenza sazonal (gripe comum). Na entrevista, o chefe do CDC ressalta também a importância da higienização das mãos e que é preciso “vacinar, prevenir e continuar a campanha educativa, que inclui lavar as mãos, seguir regras de higiene, etc. Esse é o ponto. Mas não é preciso se preocupar com essa gripe mais do que fazemos com a gripe sazonal”.

A Doctor Clean, criada em 1995 com foco específico nos profissionais da área da saúde, ampliou suas atividades com produtos para o tratamento e antissepsia das mãos já no ano de 2001, portanto, há quase 10 anos.

De forma intrínseca, a empresa sempre trabalhou no mesmo conceito que hoje é apontado por todas as instituições e órgãos de saúde nacional e internacional como a grande aliada no combate à doenças que têm como origem a infecção viral ou bacteriana: a higienização das mãos, como ato de prevenção e campanha educativa.

Leia a entrevista de Sherif Zaki à Agência FAPESP

Em Tempo: A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou ontem (10/agosto) que a pandemia da gripe causada pelo vírus H1N1 acabou. A doença passa agora ao estágio de pós-pandemia. Em matéria publicada no jornal Folha de São Paulo (Pandemia de gripe H1N1 chega ao fim) o infectologista Esper Kallás, professor da faculdade de medicina da USP, destaca que a epidemia serviu para educar a população sobre o que é gripe, e completa: “Antes, você se lembrava de entrar em um prédio comercial e ter gel para limpar as mãos?”

Estudo explica por que a gripe é mais perigosa no frio

agosto 5, 2010 às 3:52 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Apesar de não ser nenhuma novidade, vale a pena colocar em prática o que pesquisados já descobriram em relação à gripe e, como estamos no inverno, reavaliar nossa postura frente aos cuidados de devemos ter com a higienização das mãos.

As mãos, como todos sabem, são uma das partes mais expostas do corpo humano. E elas são receptoras de vírus e bactérias que podem transmitir uma série de infecções prejudiciais ao nosso organismo.

Em 2007, Cientistas da Escola de Medicina de Nova York  demonstraram através de experimentos em laboratório a relação entre o frio  e a gripe. Mais precisamente, entre umidade relativa do ambiente e a temperatura. 

Primeiro, os pesquisadores analisaram animais infectados que foram submetidos a variações de temperatura entre 5ºC e 20ºC, e descobriram que os sintomas nos animais infectados não variaram de intensidade por causa da alteração de temperatura. Depois, as cobaias foram colocadas em ambientes com diferentes níveis de umidade relativa do ar: a manifestação dos sintomas variou inversamente com a umidade e também a eficiência de transmissão do vírus foi alterada.
 
A transmissão do vírus foi maior em ambientes de baixa umidade, enquanto que o vírus permanecia mais tempo flutuando no ar sob a forma de aerossol nesses ambientes.

Assim, chegaram a conclusão de que nas áreas tropicais o vírus, estando em locais de maior umidade, forma gotículas maiores e se deposita nas superfícies.

Como estamos em um país tropical, veja a importância do estudo. Em regiões com clima como o que encontramos na maior parte do Brasil, a transmissão deve acontecer muito mais por contato humano e menos por inalação do vírus disperso no ar.

Por isto a importância da higienização das mãos reforça a tese de que necessitamos lavar as mãos sempre que possível ou então mantê-las higienizadas, com o álcool em gel, por exemplo. 

Ouça o comentário do médico Luis Fernando Correia na rádio CBN sobre o estudo americano

Influenza Virus Transmission Is Dependent on Relative Humidity and Temperature – Artigo original

Higienização das mãos: brasileiros deixam a desejar

agosto 2, 2010 às 8:18 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Mais uma pesquisa revela a importância da higienização das mãos e o quanto o brasileiro deixa a desejar neste quesito. Confira aqui matéria do portal Ig a respeito.

« Página anteriorPróxima Página »

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.